Acessibilidade
Ouvidoria
(44) 3521-8900
Segunda a Sexta - 08h às 12h e das 14h às 18h.

Agentes de endemias realizarão levantamento do LIRAa

Agentes de endemias realizarão levantamento do LIRAa


Publicado em: 06/12/2021 15:34 | Fonte/Agência: Prefeitura De Goioere | Autor: Ilda Caroline Dias

 

Agentes de endemias realizarão levantamento do LIRAa

Agentes de endemias realizarão levantamento do LIRAa

Nesta semana 7 a 10 de dezembro, os agentes de combate as endemias estarão realizando o levantamento de índice LIRAa no Município de Goioerê, este será o último levantamento do ano de 2021, um ano onde tivemos índices elevados em relação ao ano anterior.

LIRAa resultados ANO
Ano    1º ciclo   2º ciclo 3º ciclo 4º ciclo 5º ciclo 6º ciclo
2020 6,8         2,3        1        1,3     1,1      1,1
2021 9,2         4,2       3,2        0,5      5,8        -

Durante o LIRAa os agentes percorrerão todos os bairros da cidade vistoriando as residências e as quadras selecionadas pelo sistema, com o intuído de pesquisar os índices de infestação do mosquito da dengue na cidade.
Apesar dos números altos de infestação do mosquito, Goioerê teve números baixos em relação a dengue, onde foram notificados 187 casos de suspeita de dengue e apenas 14 casos foram confirmados. Entretanto com o período de férias chegando, os riscos para uma possível epidemia aumentam drasticamente, ressaltamos a população intensificar as medidas de controle como limpeza do quintal e o uso do repelente, além de ficarem atentos aos possíveis sintomas.
Os sintomas da dengue podem ser confundidos com os de outras doenças, daí a importância de buscar ajuda profissional em uma unidade de saúde. Entre eles estão febre alta com início súbito, dores de cabeça, no corpo, atrás dos olhos e articulações, manchas vermelhas na pele, náuseas, vômitos, cansaço extremo, tontura e perda de apetite.
A doença pode ser mais grave em pacientes do grupo de risco como gestantes e pessoas com comorbidades (diabetes, doença renal, entre outras).
Quem já teve dengue pode ter um desfecho mais grave em uma segunda ocorrência, por isso precisa ser monitorado. A dengue tem sorotipos diferentes e ter a doença não causa imunidade para os outros tipos. Tem que fazer exames para identificar indícios de agravamento.